Londrina recebe os Jogos Abertos do Paraná

A partir desta sexta-feira (21) atletas de todo o Estado vão se encontrar em Londrina para a disputa da fase final da 61ª edição dos Jogos Abertos do Paraná (Jap’s). O evento é organizado pela Secretaria do Estado de Esporte e Turismo (SEET) do Paraná e deve ter a presença de 4 mil pessoas, entre atletas e integrantes das comissões técnicas das equipes envolvidas. Esses atletas vão representar 75 cidades paranaenses. A cerimônia de abertura será na noite desta sexta (21) no Ginásio de Esportes Professor Darcy Cortez, o Moringão, às 19 horas. A competição vai até o dia 30 de setembro.

Londrina tem uma ligação íntima com os Jogos Abertos. Foi na cidade do norte paranaense que a competição teve início em 1957 e foi idealizada pelo professor Reynaldo Ramon, que buscava desenvolver o esporte no Paraná. No entanto, a cidade não sediava o evento desde 1997, há 21 anos. E é justamente por isso, que Londrina deve se colocar em condição de brigar pelo título geral dos Jogos Abertos do Paraná e rivalizar com Maringá e Cascavel, cidades que sempre contam com grandes delegações. Maringá foi a campeã geral no ano passado e Cascavel ficou com a segunda posição no evento que ocorreu em Apucarana. Em 2015, na edição realizada em Francisco Beltrão, o pódio se inverteu e a Capital do Oeste desbancou a Cidade-Canção. Em 2016, a edição dos Jap’s não foi realizada.

Na tarde desta sexta-feira (21), o técnico de taekwondo e presidente da Fundação de Esportes de Londrina (FEL), Fernando Madureira, usou as redes sociais para fazer um convite para os atletas. “Tudo preparado para receber os Jogos Abertos do Paraná de 2018. Londrina não recebia esse evento há mais de vinte anos. Na quadra do ginásio Moringão vão desfilar atletas de grande representação de Londrina, do Paraná e do Brasil”, disse ele.

Quem deve medir forças com Londrina é o taekwondo de Cascavel, que vai contar com vinte atletas. As disputas da modalidade serão neste fim de semana. No sábado (22), a partir das 14 horas, será a competição de Poomsae (masculino e feminino). Na sequência, será a competição de Kiorugui (lutas) no feminino. No domingo (23), a partir das 9 horas, o Kiorugui prossegue no masculino.

O técnico Ricardo Zimmer lembra que as equipes cascavelenses são as atuais campeãs dos Jogos e vão tentar defender o título geral no reduto do taekwondo do Paraná, que é Londrina. “Nós estamos indo com uma previsão de buscar ficar entre os três primeiros e manter a nossa colocação na edição do ano passado. Fomos campeões no masculino e no feminino. Só que vamos encontrar várias dificuldades já que a edição deste ano é na casa de Londrina. Os atletas de lá vão com força total justamente porque faz muito tempo que a cidade não recebe o evento. Promessa de bons combates”, projetou Zimmer.