Taekwondo de Cascavel em ação no Grand Slam

A temporada de 2019 foi agitada para o Taekwondo de Cascavel. E a temporada de 2020 inicia de maneira oficial da mesma maneira: em alta. Sete atletas que representam o município têm um grande desafio neste início de ano. Eles vão participar, a partir desta quinta-feira (06) até domingo (09), do Grand Slam, uma seletiva nacional que será realizada no Complexo Esportivo Tancredão, na cidade de Vitória, no Espírito Santo. Dois deles buscam o ingresso na Seleção Brasileira de Taekwondo, em 2020. Os outros cinco lutadores pertencem a categoria Cadete e buscam a classificação para o Campeonato Pan-Americano de Taekwondo, que será nos Estados Unidos.

Fábio Júnior Santiago e Luane Camargo disputam a seletiva fechada, cujos campeões formarão a Seleção Brasileira para esta temporada.

Fábio já tem experiência neste tipo de competição nacional. Esta será a terceira seletiva fechada do lutador. Na primeira, ele não teve êxito. Porém, na segunda tentativa, chegou nas fases decisivas e se tornou atleta reserva da Seleção Brasileira. Para ingressar no time que representa o país ele precisa ser campeão da seletiva. Fábio se diz preparado para o desafio. “Eu treinei bastante para pegar a Seleção. Mas vai ser difícil em virtude dos oponentes que são muito fortes”, disse. O atleta disse que teve várias contusões em 2019, mas disse que fará um sacrifício para ser titular da Seleção.

O técnico Ricardo Zimmer explica como os dois atletas se colocaram na condição de buscar o ingresso na Seleção Brasileira. “Esses dois atletas foram classificados durante o ano de 2019. Os melhores atletas ranqueados, campeões do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil de Taekwondo estarão neste evento. O Grand Slam servirá para a formação das equipes juvenil e adulta de 2020. Esses dois atletas estão indo para lá para representar o Paraná. E quem sabe possam representar o Brasil na Seleção Brasileira de 2020”, explicou o professor.

Ricardo Zimmer irá acompanhar outros cinco lutadores que vão participar da seletiva aberta para a categoria Cadete. Estarão na disputa os cascavelenses Larissa Camargo, Mayra de Lorena, Leonardo Ficagna, Camile Vitória Schreiber e Maria Vitória de Menezes. Eles buscam uma vaga no Campeonato Pan-Americano de Taekwondo, que será nos Estados Unidos. “Juntamente com o Pan-Americano Júnior e Adulto teremos o Pan Cadete. Então são cinco atletas nossos que disputam essa seletiva aberta. Essa seletiva é feita sempre no Campeonato Brasileiro de Taekwondo. Mas o Brasileiro é depois dessa competição continental. Por isso foi feito essa seletiva aberta. Esses atletas também vão representar Cascavel e o Paraná no torneio. Espero que eu possa vê-los em Spokane, nos Estados Unidos, para representar o Brasil no Pan-Americano Cadete, Juvenil e Adulto de Taekwondo”, disse.

O que preocupa Zimmer é a competição de peso justamente no início de temporada para os atletas. “A gente voltou de uma temporada de férias. Mas esses sete atletas continuaram treinando. Nós não paramos e só tivemos algumas folgas no fim de ano. Eles continuaram seus treinos. Creio que vão desempenhar um bom papel e vão representar bem o nosso município e o nosso Estado”, finalizou Zimmer.